segunda-feira, 24 de junho de 2013

Escola gratuita capacita síndicos, zeladores e porteiros

Cursos realizados na Administração de Brasília aos sábados formaram 700 profissionais, e novas inscrições começam em 1º de julho


Mais de 700 moradores e servidores de condomínios do Distrito Federal fizeram cursos de capacitação gratuitos pela Administração de Brasília para atuarem como síndicos, zeladores e porteiros em conjuntos residenciais localizados tanto no Plano Piloto quanto em outras cidades do DF.
 
"Não são cursos nos modos tradicionais, mas de maior interação: têm conteúdo técnico e acadêmico, mas, sobretudo, eles têm a característica de ser um diálogo entre lideranças comunitárias e o poder público", esclareceu o administrador de Brasília, Messias de Souza.
 
Os cursos têm assuntos variados e ensinam noções de segurança predial, mediação de conflitos, liderança, contabilidade, legislação, fiscalização e relações interpessoais.
 
As aulas são ministradas por especialistas e professores universitários que dão aulas de forma voluntária e sem custos para a administração pública.
 
Hoje foram iniciados os trabalhos da nova turma que formará síndicos e integrantes dos conselhos de condomínio -80 horas/aula durante 11 semanas-, e as inscrições passaram de 170, um recorde, de acordo com o coordenador da Escola de Gestão Comunitária, Paulo Roberto Melo.
 
Um dos professores do curso é o próprio administrador de Brasília, Messias de Souza, que aborda a gestão de conflitos comunitários.
 
Segundo ele, o papel do síndico ou do líder comunitário é conhecer, por exemplo, o plano urbanístico da cidade por conta da realização de obras, mas também mediar confrontos que podem surgir de posições "intransigentes".
 
"Existem conflitos na utilização das quadras de esporte porque tem moradores que se incomodam com o barulho que a juventude ou as crianças fazem. Tem quadras que pedem para remover escolas infantis por causa da algazarra natural e típica das crianças", advertiu Souza, ao citar problemas comuns de quem mora em apartamentos.
 
Para o servidor público José Soares, subsíndico de um residencial na quadra 101 Norte de Águas Claras, o curso é interessante na medida em que proporciona acesso ao conhecimento para o desempenho da atividade.
 
Ele conversou com a Agência Brasília depois de assistir a uma aula sobre relações interpessoais e, mesmo com alguma experiência no assunto, destacou que as informações aprendidas servirão para auxiliá-lo a desempenhar um papel conciliador em seu condomínio.
 
A Escola de Gestão Comunitária formou até agora 380 síndicos, 200 porteiros e 200 zeladores, e, a partir do próximo dia 1º, serão abertas pré-inscrições para novos cursos que serão ministrados a partir de setembro.
 
SERVIÇO:
Escola de Gestão Comunitária
Pré-inscrições para cursos de capacitação para síndico, zelador e porteiro – a partir de 1º/7 no site www.brasilia.df.gov.br
Local: Auditório da Administração Regional de Brasília, no Setor Bancário Norte, bloco k, Edifício Vagner, 1º subsolo
Mais informações: (61) 3329.0486 / 8497.2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário